Textos

          
















                                             
 
Arte de Anna Paes



 
Não me queiras,
porque sinto-me frágil,
breve folha da melancolia outonal!

Não me queiras,
porque hoje, faço cerimônia ao ter que me olhar no espelho!
Lamento seja tão grande,
poderia ser pequeno.

Não me queiras,
porque não consigo deter
o acúmulo de tempo nos meus ombros!
Tanto e tanto me esforço
que mais o peso dos ossos
escondo!

Não posso!

Não me queiras,
porque há permanentemente em mim
algo que seca!

Se é corpo,
          não sei!
Se é alma, 
          NÃO SEI!!!

Se é fonte,

r
 e
  g
    r
     e
       s
         s
           a!


E, mesmo sentindo-me assim,
nunca tive tanta fome,
tanta sede de mim!

Me queiras!
Me queiras, sim!

Abril/2014

 
Eliane Triska
Enviado por Eliane Triska em 08/04/2014
Alterado em 08/04/2014

Música: Mantovani_Orchestra_-_Nessum_Dorma_(instrumental) - Desconhecido

Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários